Cachete - S. M. Antigamente, no Nordeste do Brasil, era assim que se chamava qualquer comprimido para dor.

quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Rinaldo Beltrão: O Golpe de 2016

O dia 31 de agosto deverá ser marcado por um dos momentos mais tristes da história do Brasil: a efetivação de um golpe que tirará do poder a presidenta Dilma, acusada injustamente de crime de responsabilidade. Novamente um dia 31. Há pouco mais de 52 anos, num dia 31, essas mesmas elites tramaram um golpe que mergulhou o Brasil num período de 21 anos de ditadura militar. A conspiração para a derrubada do presidente João Goulart (em março de 64) articulou o grande capital, agentes do imperialismo, chefes militares, políticos como Tancredo Neves (avô de Aécio, coincidência né?), Magalhães Pinto e Carlos Lacerda (da imprensa golpista). Roberto Marinho (dono da rede globo) e a UDN. É trágico como a história se repete. Essa elite não aceitou as transformações que estavam sendo promovidas no passado por Juscelino e Jango. Muito menos agora nos governos Lula e Dilma. Não aceitaram ver o filho do pobre receber o diploma de doutor, chegar energia elétrica nos confins do Brasil, ver os aeroportos lotados de "pobres" viajando para o exterior, ver os negros e mulheres passando a ocupar o lugar que lhes é devido na sociedade, ver o Nordeste passar por período de seca sem ter as pessoas passando fome, não ver mais nordestinos indo mendigar o pão no "sul maravilha" , ver a chegada de médicos para todos os cantos do Brasil, multiplicar as escolas técnicas e universidades, ver que não precisávamos mais nos humilhar frente ao imperialismo ianque, o pagamento da dívida externa, a defesa do nosso petróleo, ver a construção de uma relação sólida e promissora com nossos vizinhos da América do Sul e outras nações como a África do Sul, China, Índia e Rússia. Tramaram um golpe. Criaram um tribunal de exceção em que provas não são levadas em conta, testemunhos são desprezados, argumentações não têm valor. A imprensa golpista ficou com a responsabilidade de cauterizar as mentes. Só valeu nesse jogo sujo a derrubada de um governo eleito pela maioria da população, a todo custo, até porque no voto essas elites jamais retornariam ao poder. A imprensa internacional é categórica: está em curso um golpe no Brasil. O Le Monde, um dos maiores jornais da Europa, escreveu domingo passado: “Se esse não é um golpe de Estado, é no mínimo uma farsa. E as verdadeiras vítimas dessa tragicomédia política infelizmente são os brasileiros.” O Jornal Pravda da Rússia afirma: "golpe em curso no Brasil". Até a capitalista CNN afirmou "corruptos querem o impeachment de uma pessoa honesta que além do mais não tem base jurídica". Apenas a mídia golpista do Brasil que trata do assunto como sendo constitucional. Desvirtua a informação para parecer que estamos seguindo a legislação. O rito está sendo seguido é verdade. O processo está sendo dirigido pelo presidente da mais alta corte do Brasil, é verdade. Mas o que é fundamental ninguém da imprensa nazista fala: sem crime não existe culpa. Estou com pena do Brasil. Lamento pelo povo brasileiro sofrido. Mas tenho orgulho de nossa presidenta. Mulher de coragem, coração valente. Talvez a pessoa mais injustiçada da história do Brasil. Condenada duas vezes sendo inocente, mas que não foge a luta. Luta que continuaremos travando, pois nosso sonho de democracia não vai ser desmontado por esses golpistas que desde o tempo das caravelas se locupletam das riquezas do nosso Brasil. 

domingo, 28 de agosto de 2016

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Impeachment da Presidenta Dilma: Joguei a Toalha!

Joguei a toalha! Só nos resta a fé. E fé é o que eu não tenho neste bando de canalhas corruptos do Senado Federal. Estão comprados. Afinal, são 50 bilhões de reais do "rombo" inventado pelo Presidente Intestino Michel FORA Temer para recompensá-los pelo trabalho sujo. Irão para a lata do lixo da história. Para o limbo moral reservado aos canalhas da humanidade!
Quanto ao povo, continua apático e esperando que aconteça um milagre que o salve. O Povo Brasileiro nunca foi real protagonista do seu destino. Sempre buscou por heróis que resolvam seus problemas como num passe de mágica. Mas jamais deixará sua cerveja, sua praia, seu churrasco, para lutar pelos direitos que tem ou pelos direitos que lhe estão sendo retirados. Sobra comodismo e preguiça! Não somos um povo pacífico. Somos um povo passivo! Lerdo! Indolente! Acomodado! Inerte!
Mas tudo tem um preço na vida! Dilma vai pagar o dela. O preço de ser honesta, mas cair nas garras desonestas de ladrões, corruptos e canalhas que defendem seu próprio projeto de enriquecimento ilícito em detrimento de um projeto de progresso de Brasil desenvolvido há 13 anos pelo PT e seus presidentes eleitos democraticamente. Mas, o povo também pagará seu preço! Desemprego, educação falida, fim dos projetos de moradia popular, fim dos programas de distribuição de renda, fim dos programas de melhoria da saúde nacional. 
Total caos no país! A custo do dinheiro público da fatia mais pobre do bolo financiador! 
Que isso sirva, pelo menos, de lição para o povo brasileiro. Que ele aprenda que Deputados e Senadores só legislam em função deles mesmos e dos 3% mais ricos do Brasil. O resto é resto. E o povo faz parte deste desprezível resto!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

"Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil quanto ela mesma."
(Joseph Pulitzer)