Cachete - S. M. Antigamente, no Nordeste do Brasil, era assim que se chamava qualquer comprimido para dor.

domingo, 16 de agosto de 2009

Agilizar; Acelerar e Parar

Fotos Dida Sampaio/AE e Wilson Pedrosa/AE - Blog do Jamildo


"Este é o país em que a grande mídia e a oposição procuram de maneira capciosa enganar a população, explico, nesse suposto encontro entre a Dilma e a secretária, se porventura a ministra pediu para agilizar ou acelerar as investigações contra a família Sarney, e a secretária Lina Vieira interpretou como encerrar a investigação. A secretária torna-se discípula de Rubinho Barrichello, pois é o único sujeito no mundo que interpreta da mesma forma que Lina Vieira, ou seja, quando nas transmissões de fórmula 1 o Galvão Bueno diz: "Acelera Rubinho", logo em seguida ele quebra ou pára. Ele era o único ser humano a considerar ACELERAR = quebrar, parar, encerrar, mas agora ele tem a companhia da Lina Vieira, da mídia e da oposição. Os maiores dicionaristas da língua portuguesa devem estar se remoendo, repudiando, incrédulos, decepcionados porque nem no sentido figurado ACELERAR e AGILIZAR são sinônimos de encerrar. Uma pouca vergonha tudo isso."
Sábias palavras! O Sertão está mais do que certo!

3 comentários:

Lord disse...

O CASO DE SERRA É CLÁSSICO: um candidato com alto recall, com concentração já fixada de votos…mas com altíssima rejeição, e capaz de ampliar esta rejeição pela exposição…estão tentando positivar a exposição do governador…em casos como a futura eleição, Serra tem concentração de votos, não cresce mas desce pouco…até ser exposto negativamente…stress de material…produto com tempo de vida já adiantado…o que ele precisa? como é o candidato que tem maior votação, precisa que os votos que não tem, e não conseguirá ter, sejam divididos entre os demais candidatos, um impedindo o outro de decolar…simples assim, e em caso de segundo turno, imaginar que um deles, para decolar no primeiro turno, detone o outro, para depois ir buscar o candidato que sobrou e trazer para suas hostes…é o que tenta fazer com Marina, que terá alta exposição, e exposição positiva através do PIG, e inclusive, terá partidos aliados enviados pelo PSDB para que tenha tempo na TV e fragilize Dilma…É O QUE RESTA AO PSDB, pois se Dilma sair como candidata única, toda a concentração de votos dispersa entre DILMA, CIRO E HH, migrará para a Ministra da Casa Civil…com o apoio de Lula, com o PMDB capilarizado pelo Brasil…não teria chance nenhuma...É A ÚNICA SAÍDA DE SERRA…o tiro final…

JOEL disse...

O CASO DE SERRA É CLÁSSICO: um candidato com alto recall, com concentração já fixada de votos…mas com altíssima rejeição, e capaz de ampliar esta rejeição pela exposição…estão tentando positivar a exposição do governador…em casos como a futura eleição, Serra tem concentração de votos, não cresce mas desce pouco…até ser exposto negativamente…stress de material…produto com tempo de vida já adiantado…o que ele precisa? como é o candidato que tem maior votação, precisa que os votos que não tem, e não conseguirá ter, sejam divididos entre os demais candidatos, um impedindo o outro de decolar…simples assim, e em caso de segundo turno, imaginar que um deles, para decolar no primeiro turno, detone o outro, para depois ir buscar o candidato que sobrou e trazer para suas hostes…é o que tenta fazer com Marina, que terá alta exposição, e exposição positiva através do PIG, e inclusive, terá partidos aliados enviados pelo PSDB para que tenha tempo na TV e fragilize Dilma…É O QUE RESTA AO PSDB, pois se Dilma sair como candidata única, toda a concentração de votos dispersa entre DILMA, CIRO E HH, migrará para a Ministra da Casa Civil…com o apoio de Lula, com o PMDB capilarizado pelo Brasil…não teria chance nenhuma...É A ÚNICA SAÍDA DE SERRA…o tiro final…

prof. DiAfonso disse...

Olá, Giovani!

Mái num é que eu não encontrei o tá do ACELERAR com o valor semântico de "parar"?!?! Olhei em tudo quanto era de dicionário e nada... rsrsr Vai ver eu não olhei direito... rsrsrsrs

Abração, Cumpadi e boa semana!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

"Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil quanto ela mesma."
(Joseph Pulitzer)